José Coelho Pacheco: o falso semi-heterónimo de Pessoa

Ana Rita Palmeirim

BNP

1

2016

pt

9789725655726

iLEIO | PCs Apple App Store Android no Google Play


capa mole
12,00 €

A obra José Coelho Pacheco: o falso semi-heterónimo de Pessoa, coordenada por Ana Rita Palmeirim, com textos de Richard Zenith e Fernando Cabral Martins, relata a história da vida de José Coelho Pacheco, autor do poema «Para além d’outro oceano», publicado em 1953 pela Inquérito em Poemas inéditos de Fernando Pessoa destinados a Orfeu 3, e até há pouco tempo considerado um semi-heterónimo ou mesmo um sub-heterónimo de Fernando Pessoa.
Numa época rica em acontecimentos, tanto em Portugal como na Europa, o percurso de José Coelho Pacheco é bem ilustrativo dos anos em que vive. É fascinado por automóveis e aviões, faz parte da equipa dos pioneiros da aviação em Portugal, viaja por toda a Europa. Apaixonado pela fotografia desde cedo, trabalha nos serviços de cinematografia e fotografia do exército; amante da escrita, faz traduções, e não esquece o grupo de Orpheu, mantendo sempre uma forte amizade e admiração por Fernando Pessoa.
Amplamente ilustrada com fotografias do espólio da família e da época, com curtas resenhas descrevendo a situação do país em vários momentos importantes na vida de Coelho Pacheco, a obra dá a conhecer este Modernista e, através dele, um pouco dos anos turbulentos que se viveram em Portugal na primeira metade do século XX.
José Coelho Pacheco nasceu em 1894 e faleceu em 1951. Viveu toda a sua vida em Lisboa e dedicou muito do seu tempo a Sintra, por cujas estradas poderá ter passeado com Fernando Pessoa, «ao volante do Chevrolet», cuja fotografia ilustra a capa.
Atravessou os tempos do Regicídio, a instauração da República e sonhou ser aviador na I Grande Guerra. Conviveu com o grupo de Orpheu, mas acabou por se afastar dos círculos literários e dedicar a sua vida ao comércio de automóveis. Não abandonou, contudo, a escrita, como comprovam os documentos inéditos encontrados na sua pasta de couro. Além da biografia, da autoria de Ana Rita Palmeirim, a obra inclui também uma antologia de textos de José Coelho Pacheco apresentada Fernando Cabral Martins. Para além do poema «Para além d’outro oceano», dão-se a conhecer muitos versos não-publicados em 1953, poesia, prosa e teatro, na sua maior parte inéditos, ilustrativos da versatilidade do autor.
Índice não disponível.
Assunto não disponível.
Licença Impressão
Acesso Perpétuo 21 paginas a cada 30 dias

Leitura online: um utilizador por sessão (sem simultaneidade)
Leitura offline (com a APP): máximo de 2 dispositivos em simultâneo