Irmãs Brontë: 200 anos. Universos ficcionais e biográficos

Coord. Rogério Miguel Puga

BNP

1

2020

pt

9789725656754

iLEIO | PCs Apple App Store Android no Google Play

As irmãs Charlotte (1816-1855), Emily (1818-1848) e Anne (1820-1849) Brontë nasceram no início do século XIX, com dois anos de intervalo entre si, e ficaram conhecidas como romancistas e poetisas. Publicaram as suas obras em datas próximas e, como era comum na época, sob pseudónimos masculinos, Currer Bell, Ellis Bell e Acton Bell, cujas iniciais são as primeiras letras dos respetivos nomes.

Entre as várias obras publicadas pelas autoras estão títulos como Jane Eyre (1847), o mais conhecido romance de Charlotte, Wuthering heights (1847), a única narrativa ficcional de Emily, e Agnes grey (1847) e The tenant of Wildfell Hall (1848), de Anne. Acresce, em 1846, a antologia poética Poems by Currer, Ellis, and Acton Bell, que contém 19 poemas de Charlotte e 21 de cada uma das outras irmãs, embora a sua obra lírica tenha tido menos sucesso e seja menos conhecida.

Assinalando os bicentenários dos nascimentos das três escritoras, o CETAPS (Centro de Estudos Ingleses, de Tradução e Anglo-Portugueses) e a Biblioteca Nacional de Portugal (BNP) celebraram essas efemérides através de uma mostra bibliográfica e de um colóquio, que decorreu a 25 de outubro de 2018, na BNP.

Esta obra inclui as comunicações do colóquio e o catálogo ilustrado da mostra bibliográfica, com os quais se pretende divulgar a obra e a vida das autoras.
Índice não disponível.
Assunto não disponível.
Licença Impressão
Acesso Perpétuo 30 paginas a cada 30 dias

Leitura online: um utilizador por sessão (sem simultaneidade)
Leitura offline (com a APP): máximo de 2 dispositivos em simultâneo